Pre Loader

Rua João de Laet, 219 - Vila Aurora - São Paulo

Controle Tecnológico Pavimentação e Drenagem

  • Home
  • Controle Tecnológico Pavimentação e Drenagem
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

A Soleil possui uma ampla e renomada experiência em Controle Tecnológico e Acompanhamento nos serviços de pavimentação e Drenagem, com uma equipe experiente de laboratoristas para verificação dos serviços realizados e dos materiais aplicados na obra. Nosso laboratório é equipado para realização de ensaios para controle e verificação de execução do subleito, reforço do subleito, das bases granulares e das camadas betuminosas.

 

Realizamos os acompanhamentos em campo e em usinas de massa asfáltica com realização de ensaios de laboratório, tanto para pavimentação flexível quanto rígida.

Nos serviços de pavimentação flexível (Pavimentação em Concreto Asfáltico), são coletadas amostras de materiais constituintes e de misturas, antes da aplicação na pista, que serão submetidas aos ensaios em laboratório. Durante a produção da mistura na Usina, nosso profissional verifica o material resultante produzido, verificando a temperatura da massa asfáltica e também realiza a coleta de materiais para análise. Em campo, são acompanhados o controle da temperatura da mistura, tanto na chegada do caminhão quanto logo após o lançamento do mesmo na pista, assim como a espessura aplicada conforme especificação de projeto.

 

O pavimento rígido (Pavimento em Concreto de Cimento Portland) tem as características do material demonstradas por meio do controle tecnológico de concreto, que além do estudo do traço e de seus materiais constituintes tem a inclusão dos ensaios de tração na flexão e ensaios para a verificação de desgaste superficial, entre outros. No campo são acompanhadas as especificações de concreto, como por exemplo, a distância entre juntas, espessura, corte de juntas, temperatura de lançamento, cura, etc.

 

A Soleil realiza, por meio de equipes de laboratoristas especializados, o controle tecnológico através de ensaios em laboratório e/ou “in situ”, que visam determinar parâmetros exigidos em normas, confirmando-os ou enquadrando-os, a partir dos resultados, dentro das especificações de cada projeto. Segue os principais ensaios realizados pela Soleil:

 

  • Preparo e Compactação do Subleito:
    • Índice Suporte Califórnia (Proctor e CBR);
    • Teor de Umidade “in loco”;
    • Determinação da Massa Específica Aparente “in situ”;
  • Reforço do Subleito:
    • Determinação da Porcentagem de Brita (Volume);
    • Índice Suporte Califórnia (Proctor e CBR);
    • Teor de Umidade “in loco”;
    • Determinação da Massa Específica Aparente “in situ”;
  • Base de Brita Graduada Simples:
    • Índice Suporte Califórnia  (Proctor e CBR);
    • Análise Granulométrica;
    • Teor de Umidade;
  • Concreto Betuminoso Usinado a Quente;
    • Análise Granulométrica;
    • Teor de Betume;
    • Determinação da Temperatura de Chegada, de Lançamento e de Rolagem;
    • Ensaio de Marshall (Estabilidade, Fluência e Vazios);
    • Determinação do Grau de Compactação;
  • Concreto (Guia, Sarjeta, Passeio e Pavimentos Rígidos):
    • Determinação do Abatimento (Slump Test);
    • Determinação de Resistência a Compressão por Moldagem, Cura e Ruptura de Corpos de Provas Cilíndricos;
    • Determinação de Resistência a Tração na Flexão por Moldagem, Cura e Ruptura de Corpos de Provas Prismáticos;
    • Esclerometria;

 

A Soleil segue rigorosamente os procedimentos previstos nas normas vigentes, bem como as determinações dos órgãos competentes. Segue a baixo as referências normativas utilizadas pela Soleil:

 

  • NBR 9895/1987 – Solo – Índice de Suporte Califórnia;
  • NBR 9813/1987 – Determinação da Massa Específica aparente “in situ”;
  • NBR 7215/1996 – Cimento Portland – Determinação da Resistência a Compressão;
  • NBR 12655/2006 – Concreto de Cimento Portland – Preparo, Controle e Recebimento – Procedimento;
  • NBR 5739/2007 – Concreto – Ensaio de Compressão de corpos-de-prova cilíndricos;
  • NBR 8522/2008 – Concreto – Determinação do Módulo Estatístico de Elasticidade à Compressão;
  • NBR 12142/2010 – Concreto – Determinação da Resistência a Tração na Flexão em corpos-de-prova prismáticos;
  • NBR 7182/2008 – Ensaio de Compactação;
  • NBR NM 67/1996 – Concreto – Determinação da Consistência pelo Abatimento do Tronco de Cone;
  • NBR NM 248/2003 – Agregados – Determinação da Composição Granulométrica;
  • DNER-ME 092/94 – Determinação da Densidade Aparente “IN SITU” com Emprego do Frasco de Areia;
  • PMSP – IE/2009 – Camadas de Concreto Asfáltico Usinados a Quente;
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.